Seguidores

quinta-feira, 9 de abril de 2009

Robalos em Abril , parte 2, o dia da Rogos

Robalos em Abril , parte 2, o dia da Rogos



No dia anterior ao fim da tarde tinha ido fazer uma visita ao mar depois de 4 dias com o mar calmo o mar apresentava sinais que iria levantar, pressentia que o peixe ia aparecer antes do mar levantar como normalmente o faz, preparei a artilharia para me apresentar na manhã seguinte.
Antes de chegar ao pesqueiro que tinha elegido pensava se o mar teria já muita força ou não, cheguei e com muito alegria reparei que o mar estava simplesmente fantástico, águas abertas e oxigenadas,vagas espaçadas de metro de altura, um espumeiro continuo e focalizado, o vento em off e o céu encoberto faziam redobrar as minhas esperanças de capturas
Vesti o meu fatinho negro e fui à luta.. os primeiros lançamentos foram variados comecei pela superficie ( este ano ainda não fiz nenhum) super spook e hidro pencil a trabalhar, variei entre o branco, cinza.. Não consegui enganar nenhum, comecei por outras camadas zonk gataride, LC 130 tambem foram ao mar mas não despertaram a voracidade de nenhum robalo.. Entretanto já tinha chegado o Bruno que ficou um pouco mais atrás numa pedra mais alta pelo meu lado esquerdo.. Nesta altura já tinha mudado para uma Shore line 17 e passado meia duzia de lançamentos a ferragem aconteceu, violenta e bruta , um peixe grande... No dia anterior tinha andado nas lubrificações do meu TP 5000 Fc e tinha-me esquecido de regular o drag do carreto erro que me viria a custar caro.. A ferragem foi brutal o peixe levou linha num pesqueiro que nunca poderia ter levado mais do que 10 metros de linha, visto que no mesmo existia uma pedra pela esquerda, consegui controlar o peixe e tentava colocá-lo dentro do caneiro para iniciar o a dança( explico mais à frente) mas tarde demais, uma vaga levantou o peixe contra a pedra e ele desferrou.. Fiquei com uma vontade enorme de bater em mim próprio, o peixe tinha desferrado por estupidez minha porque não tinha verificado o drag do carreto.. Enfim um lindo animal que ganhou a luta, não foi o primeiro e não há-de ser o ultimo..
Troquei o terminal do fluocarbono e toca a pescar outra vez, continuei mas nenhum simpatizou novamente com Shore Line, toca a tentar duos surf, também não quiserem, Por esta altura já tinha visto 2 vezes peixes na vaga, peixes soberbos situação essa que o o Bruno mais tarde me confirmou que por várias vezes tinha igualmente avistado os peixes..
Começava a ficar sem esperança então lembrei-me de utilizar uma rogos, ao segundo lançamento a amostra cai na água e só percorreu meia duzia de metros, um pancada violenta e lá estava eu na corrida outra vez, desta vez já tinha o drag afinado consegui meter o peixe no caneiro e iria começar a dança, pescava com pedras à minha frente, tinha agora que saltar de pedra e pedra e encalhar o peixe aos pés do Bruno que estava atrás e do lado esquerdo, lá fui saltando e encalhei o peixe que acusou 4,600kg, um momento espectacular, são estes momentos que nos fazem madrugar para ir pescar, os anos vão passando e a sensação de capturar um peixe permanece intocável, uma sensação que não conseguimos descrever por palavras, faz parte da nossa alma de pescador.
A maré já levava duas horas de enchente era altura de recuar e ir tomar o pequeno almoço, o mar não deixou fugir mais nenhum dos seus membros mas deixei-lhe a promessa que iria voltar







8 comentários:

António Matos disse...

Olá Paulo, belos peixes apresentas.
Dei agora com este teu cantinho e gostei.
abraço e boa continuação

smorais_68 disse...

Amigo, relato com cheirinho a mar e a despertar o prazer do que é a pesca e a sua envolvência.
Abraço

Paulo Martins disse...

Boas,

A.Matos, que sejas bem vindo e espero que gostes e obrigado pelas tuas palavras.

Paulo Martins disse...

Grande Morais,

A pesca é mesmo um prazer, e ainda nos proporciona a alegria e oportunidade de conhecer amigos como tu.
Grande Abraço

Anônimo disse...

... drag aberto, acontece... mas insiste que, a SL17 MATA....

Estás com a mão quente e com a Alma Endiabrada...english devil soul....LOL LOL LOL

Abraço
Raúl Ribeiro

Bruno Martins disse...

Olá amigo,

Presenciei "in loco" esse peixinho, esse sim deu trabalhinho!
Essa rogos faz estragos, tinhas razão!

Um abraço,

Bruno Martins

Sargollini disse...

Olá Paulo

Mais um lindo peixe, parabéns.

Também gosto muito da Rogos, trabalha e lança muito bem.

Um abraço
Sérgio

Paulo Martins disse...

Boas Sérgio,

Obrigado, a rogos é uma boa amostra sendo sinking traz sempre a vantagem de explorar diversas camadas de água.

Cumprimentos